segunda-feira, julho 25

(Resenha) #20 Arsène Lupin, Ladrão de Casaca

Lupin - Ladrão de Casaca
Maurice Leblanc
Policial
L&PM Pocket

Desde que assisti a uma animação chamada O Castelo de Cagliostro, e conheci o intrépido Lupin terceiro, suposto 'neto' de Arsène Lupin, fiquei com muita vontade de conhecer de personagem que inspirou o Animê, e ainda bem que fiz isso.
Arsène Lupin entre nós! O ladrão impossível de agarrar, cujas proezas eram contada, havia meses, em todos os jornais! O enigmático personagem com quem o velho Ganimard, nosso melhor policial, iniciara um duelo de morte cujas peripécias se desenrolavam de forma tão pitoresca! Arsène Lupin, o caprichoso gentleman que só age nos castelos e salões que, certa noite, tendo adentrado a casa do barão Schoormann, saiu dali de mãos vazias e deixou seu cartão ornado com esta frase "Arsène Lupin, ladrão de casaca, voltará quando os móveis forem autênticos". Arsène Lupin, o homem de mil disfarces, sucessivamente motorista, tenor, bookmaker, filho de boa família, adolescente, velho, caixeiro viajante marselhês, médico russo, toureiro espanhol!

Lupin Terceiro
Maurice Leblanc, o autor, recebeu uma missão de escrever contos policiais ao estilo Sherlock Homes para a revista Le Sais Tout, e foi assim que ele criou Arsène Lupin, um charmoso ladrão de artes e antiguidades. Esse livro é composto por nove contos, que lidos um seguido do outro até parecem capítulos de um livro contínuo.

A linguagem de Maurice é bem rápida, ágil, sem rodeios, não sei se realmente é assim ou houve um trabalho de adaptação na edição da L&PM Pocket que li, de qualquer forma, fiquei impressionada com a facilidade da leitura, o que me deixou mais fã do personagem, mas essa escrita tão sucinta acabou atrapalhando minha resenha porque a chance de falar mais do que deve é bem grande, mas vamos tentar XD
Silêncio. E de repente, nesse silêncio, irrompe uma gargalhada, mas uma gargalhada jovial, alegre, o riso de uma criança louca de vontade de rir e não consegue conter o riso. Ganimard sentiu nitidamente, de maneira real, os pelos se arrepiarem no couro cabeludo. Ele conhecia muito bem esse riso, essa gargalhada infernal!
Cartaz do filme, ainda não assisti para saber se é bom, mas
esse cartaz ficou muito bonito
O livro começa com o conto A Detenção de Lupin, mostrando como Ganimard, seu arqui-inimigo, conseguiu a façanha. Nos próximos dois contos, conhecemos as tramoias de Arsène para escapar, depois dessas peripécias, em meio a sua fuga, Lupin consegue capturar um criminoso perigoso, e ainda manda bilhetinho se vangloriando do fato aos jornais (um dos contos mais divertido). No próximo conto temos uma revelação bombástica (só posso falar isso ;). No Próximo conto, O Sete de Copas, nós conhecemos o biografo de Lupin e como eles se conheceram, no conto seguinte, O Cofre-Forte da Sra Imbert o biografo conta a primeira artimanha do nosso ladrão (outro conto com uma grande surpresa que me fez rir muito). No conto A Pérola Negra, mais uma vez nosso anti-herói resolve um caso, mas é claro que ele não faz isso de graça, Lupin rouba dos ricos e ladrões para dar a si mesmo XD. E no ultimo conto, temos o embate entre Lupin e o famoso detetive inglês Herlock Sholmes (ai, ai esse Maurice)

Procurando imagens para vocês, reparei que o pessoal gostaria muito
de um crossolver de Sherlock e Lupin, eu não não acharia ruim não.
A imagem é uma montagem com os personagens Sherlock da série
 Sherlock e Neal Caffrey da série White Collar
Arsène Lupin é muito charmoso, inteligente e esperto, um personagem realmente encantador, mesmo fazendo o que faz, ele consegue despertar a simpatia dos leitores, querendo saber qual vai ser sua próxima aventura. Uma coisa que destaco na obra é o poder da informação, gente esse livro é de 1907, e já naquela época as pessoas eram descuidadas com as dicas que davam para quem quisesse ouvir (ou seria, estamos em 2016 e ainda damos dicas para quem quiser ler). Cuidado, tem sempre um Lupin para pescar essas informações.
Mas, ao cabo de alguns minutos, ele teve a desagradável impressão de que o seguiam. De fato, ao se virar, viu a sombra de um homem que se esgueirava entre as árvores. Ele não era medroso, mas apressou o passo a fim de chegar o mais depressa possível ao posto fiscal de Ternes. Mas o outro se pôs a correr. Bastante inquieto, ele julgou mais prudente enfrentá-lo e pegar seu revolver. 
Indico esse livro para todos, os contos são curtinhos, dá para ler antes de dormir, no ônibus, na fila do supermercado, em fim, em qualquer pausa que tiver dá para se divertir com esse livro.




14 comentários:

  1. Caramba, essa é novidade pra mim! Nunca soube que Lupin III era na verdade uma adaptação XD
    Eu jurava que era obra original do estúdio....

    ResponderExcluir
  2. Eu dificilmente leio livros com contos, mas curti bastante esse personagem. Não conhecia a historia e achei interessante, dica mais que anotada para passar o tempo assim que tiver o livro em mãos.

    Raissa Nantes

    ResponderExcluir
  3. Eu amoo muito livros de detetives!
    Sério!
    Se eu pudesse só tinha livros desse tipo na minha estante (mas quem não precisa de um toque de romance na vida né?!
    Mas esse eu nunca tinha ouvido falar! Shame!
    Dica hiper anotada! Vou achar esse filme! Aquele é o Judge Law?
    Obrgadaaaa
    Beijosss

    ResponderExcluir
  4. Oie... primeiramente adorei o blog, tenho visitado muitos blogs bons como o seu... e isso me alegra demais... ver que embora ainda haja porcaria na rede, há também conteúdo e qualidade.
    Adoro livros assim, com contos curtos... mais pra ser sincera perco um pouco a paciência se a obra não me chamar a atenção... o que não parece ser o caso dessa série né.

    Ah... comentário bobo... a capa me fez lembrar dos livros do Sherlock Holmes... se não me engano.

    Beijokas!

    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oiee

    Não lembro se foi aqui mesmo que eu vi a dica desse livro e fiquei super curiosa. Tanto que comprei o livro e estou esperando chegar.
    Agora com a resenha só confirmei que não vou arrepender dessa leitura!!!
    Engraçado como algumas coisas podem passar anos e não mudam rs.
    Amei a resenha, agora aguardo o meu pra ler.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você se divirta tanto quanto eu o//

      Excluir
  6. Olá, tudo bem?

    Não sou muito adepta de livros de contos assim, apesar de ler contos. Mas, como vc disse que lendo dá até uma sensação de estar lendo uma história continua, acho que posso curtir esse. :D
    Ah, adorei os avatares da foto! Amo o Bomer! XD

    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Hello! Tudo bem?
    Nossa, acredita que nunca ouvi dessa historia?!
    Achei bem interessante e estou curiosa para conhecer mais Arsène Lupin, achei um personagem bem interessante. E o bom de ser contos, que a gente ler rapido.
    A capa confesso que nao gostei mto nao, mas a sinopse e a resenha me deixaram mto curiosa com tudo.
    Vou tentar ler sim.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Não conhecia essa história mas a premissa parece ser tão interessante, cheia de mistério e com personagens que parecem ser bem construídos. Vou anotar a dica.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  9. Olá.
    adoro romances policiais e é sempre bom conhecer novos.
    já tenho vários na minha lista e com certeza irei colocar esse também pois parece ser super interessante.
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Oieee,

    Não conhecia essa história, não costumo ler contos, mas fiquei curiosa para saber mais da história de Arsène Lupin. A capa não m conquistou, mas a premissa parece ser bem legal.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Parece ser bem prazeroso mesmo, não conhecia, mas se é no estilo Sherlock Homes tem tudo pra ser interessante. Curti.
    Bjks
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  12. Olá!

    Você disse livro de contos? Pois saiba que adoro! Esse eu não conhecia, mas gostei muito da premissa. Faz tempo que li Holmes então com certeza vou gostar!

    ResponderExcluir
  13. Oie
    que legal livros de contos, eu gosto bastante ás vezes para variar entre uma leitura e outra, bem legal seu post

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir