segunda-feira, junho 26

(Resenha) #36 O Feiticeiro de Terramar

Título: O Feiticeiro de Terra Mar
Autor: Ursula K. Le Quin
Série: Ciclo Terramar 
Gênero: Fantasia, Aventura

Desafio #36 Livro com Magia


Mais um livro de um gênero que amamos aqui no blog, Livros com Magia, e eu escolhi esse clássico, de uma mulher que ousou escrever Ficção Cientifica e Fantasia lá pela década de 60, e aí clássicos tendem a ser perigosos, vem comigo para saber o que achei.
Esse foi o primeiro passo de Duny no caminho que ele deveria seguir por toda a vida: o caminho da magia, o caminho que o conduziria finalmente a perseguir uma sombra por terra e mar (...) Mas, naquele primeiros passos, o caminho parecia uma estrada ampla e luminosa. 
No livro conhecemos Gavião, conhecido como feiticeiro mais poderoso do Mundo conhecido, mas neste momento nós conheceremos a Ged de Gont, um rapaz muito irritadiço, vaidoso e orgulhoso, antes mesmo de ganhar este nome Ged já demonstrava um poder mágico muito grande salvando seu vilarejo de um ataque Bárbaro, isso chamou a atenção do feiticeiro da região, que o nomeou Ged, mas o moleque não tinha a paciência necessária para ser pupilo deste, e depois de uma $#*& que Ged faz seu mestre decidi fazer uma proposta, ficar e se comportar direito ou ir para uma escola de magia na ilha de Roke, e nosso pequeno mago escolhe ir para a escola.

Mas como já disse, Ged era uma pessoa muito difícil, mas mesmo assim conseguiu fazer um amigo, só que sua imprudência causou um grande desastre com grandes consequências, que fará com que Ged ou Gavião como é conhecido parta para uma busca por todo mundo, mas o que ele procura pode estar mais perto do que ele imagina.
(...) A partir de então ele passou a acreditar que sábio é aquele que nunca se separa das outras criaturas vivas, quer elas falem ou não. Nos anos no seguinte, ele ansiou por aprender tudo o que pode ser aprendido, em silêncio, dos olhos dos animais, do voo dos pássaros, dos gestos grandiosos e lentos das árvores.
Gente que leitura mais amor da minha vida, sei que hoje em dia as pessoas não confiam em livros curtos (eu mesma já tive essa faze) e acham que não dá para desenvolver uma boa história em menos de 300 páginas, ainda mais uma de fantasia, mas dá gente, é só não ficar perdendo tempo com bobagens, acho que certos autores criariam um livro para cada um dos locais que Ged visitou, só para encher mais linguiça, e as pessoas tende a considerar isso como "aprofundamento" eu chamo de baboseira, já abandonei algumas séries Famosas quando percebi isso. Mas de qualquer forma esse é o primeiro livro tem mais quatro para completar o Ciclo Terramar.

Voltando a resenha, gente que livro mais Amor, a autora escreve para o público Infanto-juvenil, então é uma escrita muito simples, mas mesmo assim ela dá uma panorama muito vivido de cada local por onde Ged passa, com lendas, canções, superstições, coisas da geografia que Ged visualiza, sem aquela coisa chatíssima de descrições super detalhadas que as pessoas que não gostam de fantasia costuma reclamar, politicagem é outra coisa que costuma encher o #$% em fantasias e aqui (ufa) também não tem, o que temos é uma grande aventura, uma jornada, encantadora.

Ged é um personagem difícil, no começo você pega um certa birra dele, que menino mais convencido, mas isso é muito importante para o desenvolvimento da história, cujo principal mote é o autoconhecimento, e aqui entra uma característica muito importante do livro - melhor parar to achando que vou dar spoiler XD.
Ao ouvir essa palavras, o amigo soube que eram verdadeiras. Então sentiu medo, mas pôs uma das mãos no ombro de Ged e simplesmente disse:
- Ora, então é bom; isso é bom.
O livro tem um final bem amarrado, então não faço ideia do que pode acontecer no próximo livro, mas já estou bem empolgada para ler.

Ah! Preciso falar dessa capa, ela está linda, e representa uma cena muito F@#a quando nosso mago,  ali naquele barco minusculo vai tomar providencias com aquele belo Dragão, Show!!

Bom gente eu vou indicar o livro para pessoas que estão cansadas de livro tão 'densos e profundos', para que gosta de High Fantasy, livros infanto-juvenis, e jornadas de auto conhecimento.


PS: Gostaria de falar mais sobre a autora, mas isso com certeza vai me fazer enveredar por uma conversa sem fim.

9 comentários:

  1. Olá, Daniele!
    Nossa, adorei a resenha e seu modo de expressar sua opinião! Acho bastante interessante quando autores usam "defeitos", como birra de protagonistas, pra deixar a estória ainda melhor. Já está na lista! Conheço faz um tempinho mas nunca tinha realmente me interessado... até agora haha

    Abraço!
    Lupi Literatus

    ResponderExcluir
  2. Curti a resenha, ainda não conhecia o livro, e gostei dessa sua indicação, me deixou bem curioso para ler.
    Na verdade estou bem curioso e com vontade, mas a fila esta quilometrica, somando mais este
    Abraços boa semana

    ResponderExcluir
  3. Oi. Eu já tinha visto esse livro e ai, essa capa maravilhosa. Mas não tive oportunidades de ler. Não imaginava que era tão "curto". Já vou colocar ba wish list, porque você me deixou curiosa.
    Beijos

    almde50tons.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Já me falaram que a história é muito boa, mas te confesso que não tenho interesse no livro, não sou muito fã de aventuras..
    Ainda mais que tem alguns pontos do livro que ficaram meio pra encher linguiça, como tu disse hehehe, não gosto muito dessas coisas

    ResponderExcluir
  5. Olá! Tudo bom?
    Não conhecia o livro, contudo histórias do gênero literário fantasia, são os meus favoritos, adoro narrativas que n os transportam para uma nova realidade, e esse parece ser maravilhoso, fiquei muito feliz com sua sugestão e resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    A editora fez tanta publicidade desse livro que acabei perdendo o interesse. Porém, eu adoro livros infanto-juvenis mais leves, então agora eu retomei o interesse! hahah
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?
    Já conhecia esse livro, mas é a primeira resenha que leio. A história parece ser muito interessante e gosto muito desse gênero também. Gostei de saber que o final é bem amarrado, assim não precisamos ficar desesperadas para ler a continuação...rs.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi Daniele, tudo bem?
    Já vi a capa desse livro diversas vezes e até que ele chamou minha atenção, mas acabei não procurando saber mais sobre ele. A história me pareceu interessante, gostei de saber que o livro é curto e fácil de ler, e bem que estou precisando ler uma fantasia que seja de rápida leitura... Vou anotar na minha listinha para ler depois.
    Parabéns pela resenha
    Beijos!!
    Abobrinha com Chocolate

    ResponderExcluir
  9. Olaa tudo bom?! Bem eu adoro livros que envolve magia e fantasias kkkk e eu não tenho esse problema não do livro ser curto não, acho que o importante é que a historia seja e explicada. Em relação ao livro eu ainda não havia conhecido mas pelo gênero eu já me interessei bastante em ler.

    -Beijoss

    ResponderExcluir